Projeto Província de São Pedro destina um computador por aluno e professor.

Projeto Província de São Pedro

Projeto Província de São Pedro

Projeto Província de São Pedro destina um computador por aluno e professor.

Projeto da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), o Província de São Pedro vai disponibilizar até 2014 um computador por aluno e professor em escolas de ensino fundamental de zonas de fronteira com o Uruguai e regiões de Territórios da Paz. A ação foi anunciada durante a interiorização do governo em Bagé no ano de 2011 e está na lista de projetos estratégicos do governo. Além de Porto Alegre, Bagé, Aceguá e Esteio já integram o Projeto Província de São Pedro.

A primeira etapa foi denominada Santa Tecla, uma vez que cada cidade terá uma denominação local ligada à história do município. “Trabalhamos com nomes regionais históricos que vinculam a história local às grandes transformações de conteúdo global. Somos o hoje, mas precisamos entender o passado para conquistarmos o futuro’”, esclarece o secretário de Estado da Educação, Jose Clovis de Azevedo.

A definição dos municípios da região de fronteira com o Uruguai deve-se ao fato do país possuir iniciativa semelhante, o Projeto Ceibal. A diretora da Escola Estadual de Ensino Fundamental Professor Edisson Heraclito Cerezer, de Bagé Nancy Quintana, recebeu em abril um computador por aluno e professor e afirma que os educadores estão planejando o uso da nova ferramenta em sala de aula.

A Seduc está investindo um total de R$ 5,3 milhões na aquisição dos netbooks, instalação de infraestrutura nas escolas e na formação dos professores. Nássara Scheck, diretora da Escola Estadual de Ensino Fundamental Aurélio Reis, bairro Jardim Floresta, em Porto Alegre, integrante do projeto, vê a ação como mais uma ferramenta para a aprendizagem. “O grande objetivo é fazer com que um maior número de crianças aprenda com qualidade”. Os estudantes já produziram curtas-metragens e desenvolveram trabalhos utilizando os mapas do Google.

“Estamos oportunizando a apropriação cultural digital, linguagens e raciocínios na formação inicial da escolarização de nossas crianças, garantindo tecnologia acessível com conectividade de internet, proporcionado autonomia individual do aluno”, explicou Azevedo.

O projeto Província de São Pedro vai propiciar a vivência dos alunos na linguagem da tecnologia digital, sendo o principal instrumento de modernização tecnológica da rede estadual. A introdução do computador no processo educativo não visa substituir o professor, mas sim, ser um parceiro no trabalho pedagógico desenvolvidos pelos docentes.

A diretora da Escola Estadual de Ensino Fundamental Tomé de Souza, de Esteio Maria Cristina Feijó da Rosa espera que o grupo corresponda à expectativa para levar a cultura digital aos alunos e familiares, tão importante para o sucesso.

O projeto Província de São Pedro tem a parceria da Secretaria da Fazenda (Sefaz), através da Procergs e da Secretaria de Comunicação e Inclusão Digital (Secom).

Fonte:  http://www.educacao.rs.gov.br/pse/html/proj_provincia.jsp

Sobre Carlos Susviela

Programador WebDeveloper (Sistemas e páginas internet) Técnico Informática --------------------------- Torcedor: S.C. Internacional / RS / Brasil
Esse post foi publicado em Computadores e a Internet, Educação e Conhecimento e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s